24 de novembro de 2020
Anuncie Aqui
-->
Policial

Suspeito confessa a morte de irmãos na Cantareira

28 SET 2007 - 07h51min
terra

O homem suspeito de matar os irmãos Francisco Ferreira Oliveira Neto, 15 anos, e Josenildo José Oliveira, 12 anos, no último dia 22, na Serra da Cantareira, confessou o crime. Segundo o delegado Carlos de Toledo, diretor do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil de São Paulo, o caso está resolvido e não há dúvida sobre a responsabilidade de Ademir Oliveira do Rosário, 36 anos. O inquérito, porém, não está encerrado, já que a polícia investiga se houve participação de outra pessoa no crime.


A polícia afirma que Rosário confessou o assassinato dos irmãos e o ataque aos outros três meninos, que conseguiram escapar e ajudaram a polícia a desvendar o crime. "A chance de haver outra pessoa envolvida no caso específico do assassinato dos irmãos é muito remota", afirmou a delegada Cintia Tucunduva. Porém, segundo Toledo, a hipótese ainda não pode ser descartada.


Cintia disse que, em depoimento, Rosário afirmou ter abordado os dois irmãos em uma trilha da Serra da Cantareira e os levado para dentro da mata. Após amarrar os meninos, ele teria levado o mais velho para um local mais afastado. "Rosário disse que estava tendo visões, de leões em volta dele. O menino contestou e ele começa a desferir as facadas. O garoto tombou e ele desferiu mais facadas", disse a delegada.


Depois, ele teria voltado ao local onde estava o outro garoto e dito novamente que havia animais o perseguindo. "O menino também respondeu que não tinha nada, e ele (Rosário) desferiu golpes na região do rosto, no peito e no abdômen. Com o menino já caído, ele consumou a violência sexual", afirmou Cintia.


Conforme a delegada, Rosário estava detido no presídio de Franco da Rocha desde setembro de 2006 e conseguiu a autorização para sair aos fins de semana em 25 de novembro do mesmo ano. De acordo com o delegado Francisco Ielo, que também trabalhou no caso, Rosário foi acusado de atentado violento ao pudor em 1998, mas foi considerado inimputável e cumpria medida de segurança, informou.


O celular apreendido com o acusado tem uma foto de um adulto sentado em uma pedra no meio da mata, supostamente usada como um mirante para ver a aproximação de pessoas ao local, e fotos de dois adolescentes, que ainda não foram identificados. O aparelho foi encaminhado para a perícia.


De acordo com o delegado Carlos de Toledo, a investigação mobilizou seis delegados de polícia e 30 agentes do Departamento de Homicídios.

 

Veja também

Mais Lidas

1
Policial

Vídeo: Carro capota, pega fogo e incêndio se espalha por vegetação na MS-345, em Aquidauana

2
Aquidauana

Ex-bancária de Aquidauana morre vítima do coronavírus em Campo Grande

3
Policial

Reinaldo determina afastamento de policiais envolvidos em agressão a mulher algemada

4
Policial

PMs salvam vítimas de caminhonete prestes a cair de barranco em Bodoquena

Vídeos

Vídeo de princípio de incêndio na Gruta de Piraputanga viraliza

Carga de carvão tomba e cai de carreta no trevo da BR-262, em Anastácio

Acidente entre carro e caminhonete mata homem carbonizado

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min23 max37

Aquidauana

Sol com algumas nuvens. Não chove.
min23 max37

Anastácio

Sol com algumas nuvens. Não chove.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
3,59m
Miranda
4,06m
Palmeiras
1,81m

Colunas e Blogs

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

"MAS..."

Mariana Thomé

Saneamento básico: um privilégio ou uma realidade dis...

Valdemir Gomes

Na...

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Advocacia

Mário Nelson Lima Paiva

XV de Agosto, 1639 Alto - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-2571 / Res
Auto Elétrica/Oficinas

Auto Peças Nossa Senhora de Fátima

Av. Integração, 197 Centro - 79210-000 Anastácio/MS (67) 3245-0046 / 324
Telefones Úteis

Departamento de Sistema Penintenciario

Duque de Caxias, s/n - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 4381
Ver Mais
Fale com a redação