23 de outubro de 2020
Anuncie Aqui
-->
Política

Conclusão das obras do programa MS Forte 2 será prioridade em 2014, diz governador

4 FEV 2014 - 14h15min
Notícias MS
Durante entrevista coletiva na abertura dos trabalhos da Assembleia Legislativa na manhã de ontem (3), o governador André Puccinelli informou que as prioridades para o ano de 2014 serão administrativas, com a conclusão de obras do programa de ações MS Forte 2.
 
?As prioridades são administrativas e terminaremos o ano de 2014 em parceria com a Assembleia Legislativa e o governo federal no intuito de cada vez mais propiciarmos ao Estado, com seus benefícios, a infraestrutura, logística, escolas, saúde, segurança, enfim, para que se tenha uma qualidade de vida segura do sul-mato-grossense?, ressaltou Puccinelli.
 
André salientou que somente no setor de segurança pública, por exemplo, nos próximos meses, com a conclusão dos concursos públicos para as polícias civil e militar serão admitidos mais servidores. Em 2013, o Estado realizou concurso para a contratação de 1.261 agentes de segurança. As diversas ações para o desenvolvimento continuam, principalmente no setor da indústria. ?As ações continuam, fazendo com que as empresas venham para Mato Grosso do Sul, sucessivamente, ano a ano para que tenhamos recordes de indústrias se instalando e gerando emprego?.
 
André Puccinelli destacou como obras prioritárias do MS Forte 2 a construção das unidades da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) nas cidades de Dourados e Campo Grande. ?Teremos também o vestibular que faremos para a faculdade de Medicina vinculada à UEMS. A segunda obra que destaco é a entrega do Centro de Estudos e Pesquisas da Ictiofauna Pantaneira [Aquário do Pantanal] com dezenas de universidades para fazer intercâmbio conosco?, disse. Para início do curso de Medicina, a UEMS vai realizar vestibular este ano ofertando 40 vagas.
 
Conflitos agrários
 
Sobre os recentes conflitos agrários em Mato Grosso do Sul, Puccinelli espera que a questão seja resolvida neste ano e que possa servir de exemplo para o país.  ?É necessário resolver a questão indígena?, ressaltou.
 
Ele informou que na semana passada conversou com o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, dizendo à ele que agilizasse a questão. De acordo com Puccinelli as avaliações das propriedades foram feitas, mas têm algumas distorções. ?Nos 30 dias que decorrerem da entrega das avaliações aos seus proprietários serão feitos vários recursos e nós voltamos a dizer que nos colocamos com todo o nosso staff à disposição tanto dos patrícios indígenas quanto dos proprietários das áreas conflitadas para que possamos mais celeremente resolver esta questão?, disse.
 

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Campo-grandense captura surubim de 140 cm no Rio Aquidauana

2
Anastácio

Ponte velha ficará interditada por tempo indeterminado a partir do dia 26

3
Aquidauana

Richard Rasmussen vem ao Pantanal para iniciar expedição pelos biomas brasileiros

4
Aquidauana

Vídeo: Poste pega fogo durante curto-circuito e derruba luz e internet em Aquidauana

Vídeos

Incêndio de grandes proporções consumiu atacadista, em Campo Grande

Em mais um acidente na MS-450, bombeiros resgatam vítima das ferragens

Onça-parda é flagrada 'passeando' por bairro e assusta moradores

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min23 max32

Aquidauana

Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.
min23 max32

Anastácio

Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,22m
Miranda
1,52m
Paraguai
(-) 31

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Vou...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

"A IMITAÇÃO DA ROSA"

Rosildo Barcellos

Poluição como questão de saúde pública!

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Bares/Panificadoras/Lanchonetes

Bar Avenida Pantaneta

Av. Pantaneta, 738 - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-3380
Farmácias e Drogarias

Farmácia Princesa do Sul

Rua Marechal Mallet, 634 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 3050
Médicos

Flávio Pereira - Ginecologista

Rua 7 de Setembro, 1193 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241- 3665
Ver Mais
Fale com a redação