19 de setembro de 2021
Anuncie Aqui
CPI

Contar classifica processos do Procon cujo medidores serão periciados pela USP

9 MAR 2020 - 10h25min
Assessoria

O deputado estadual, Capitão Contar (PSL), recebeu do Procon-MS (Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor) processos administrativos referentes aos aumentos injustificados nas contas de energia da concessionária Energisa. Esses documentos servirão de base para a escolha dos medidores eletrônicos que serão periciados por especialistas da USP (Universidade de São Paulo Campus de São Carlos), instituição referência em computação e engenharia elétrica no Brasil.

Campanha Supermercado Atlântico_Angus 02

"Nós solicitamos ao Procon/MS as reclamações dos cidadãos que se tornaram processos relativos ao aumento do valor das contas de energia. Vamos nos basear nessas ações para fazer o recolhimento de 200 medidores da Energisa para que sejam analisados por técnicos da USP/São Carlos", explica o Contar.

O deputado estadual argumenta que o número de 200 relógios segue o protocolo do manual da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) que estipula, que para cidades com a população de Campo Grande, a quantidade ideal de relógios para ser válida a amostragem. "Por logística ficou acordado que a amostragem seria feita em Campo Grande, e esse levantamento pode trazer resultados que contemplam todo o Estado", frisa.

O parlamentar explica que nos processos administrativos realizados no Procon-MS há diversos relatos de queixas dos consumidores, muitos relacionados com o valor da conta, em um deles a fatura era de R$ 700 em média e aumentou para R$ 1,5, um pouco mais que o dobro. No processo, o consumidor pede que seja feita a vistoria no medidor e que não tenha o corte do fornecimento de energia durante o processo. "Nada mais justo do que fazer o recolhimento dos equipamentos baseado nesses processos para verificar se há ou não alguma irregularidade nos medidores de energia", salienta.

Outro caso que a CPI Energisa (Comissão Parlamentar de Inquérito) tem apurado é a de um consumidor, que insatisfeito com o valor da conta de energia, contratou por conta própria, um aparelho similar para fazer a verificação de consumo. Foi atestado que o equipamento da concessionária estava registrando um valor de 7 vezes maior do que o real. Estas análises também vão compor o processo da Comissão para que haja a contraprova.

Os membros da CPI ainda estão no aguardo da aprovação da verba de R$ 20 mil para fazer a apuração técnica dos medidores de energia da Energisa que serão feitos por pesquisadores - engenheiros elétricos da USP. Esse trabalho de aferição está sob a tutela do professor doutor da cadeira de Engenharia Elétrica da USP/São Carlos, Rogério Andrade Flauzino, que é graduado em Engenharia Elétrica pela UNESP/Bauru (2001), mestrado em Engenharia Industrial pela UNESP/Bauru (2004), doutorado em Engenharia Elétrica pela USP/EESC (2007) e Livre-Docente pela USP/EESC em 2014. Os trabalhos serão chancelados pela instituição de ensino. 

Sobre a instituição indicada para a perícia, Contar ressalta que: “queremos, com essa parceria, confrontar os resultados produzidos pelo Inmetro, como uma segunda prova de qualidade dos medidores”.

Ainda na reunião da CPI, o deputado Contar propôs uma reunião entre o diretor-presidente da Energisa, Marcelo Vinhaes; representantes da CPI Energisa; Procon; Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia) entre outros interessados da resolução dos aumentos injustificados das tarifas de energia. "Para quem acompanha o meu trabalho sabe que eu sou muito resolutivo, prático e não quero que a CPI fique apenas na questão de enviar requerimentos e receber respostas. Eu quero ir para prática. A ideia é que nessa reunião nós já possamos deixar pontuados os prazos para retirar os relógios, as determinações da CPI e envios para a perícia. Eu não quero falar com representante legal da empresa, eu quero falar com o presidente", pontua.

Nota | Energisa

A Energisa esclarece que apresentou na reunião informações técnicas sobre metrologia, necessárias para que a análise do processo de aferição dos medidores aconteça de acordo com as normativas da ANEEL e dentro da legalidade.

 

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Acidente na MS-450 mobiliza socorristas do Corpo de Bombeiros de Aquidauana

2
Aquidauana

Mesmo com o fim repentino do pai, Ronny se apega à beleza da história do seu melhor "herói" amigo

3
Policial

PMA prende três caçadores e apreende armas e animais abatidos

4
Policial

Idoso é flagrado com 45 pescados ilegais na BR-262

Informe Publicitário

Informe

De loja nova, Soffi Cosméticos vai dar um up na sua beleza

Previsão do Tempo

min24 max41

Aquidauana

Sol com algumas nuvens. Não chove.
min24 max41

Anastácio

Sol com algumas nuvens. Não chove.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
1,99m
Miranda
2,01m
Paraguai
0,19m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Na...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

MUDANÇAS: APLIQUES DO DESTINO!

Gabriel Novis Neves

MANIA NOVA

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Moto Táxi

Moto Táxi Aquidauana

Rua 7 de Setembro, s/nº Centro - Ponto de referência: Frente ao Mercado Ce - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-5341
Bares/Panificadoras/Lanchonetes

Tio Sam

Rua Duque de Caxias, 809 Bairro Guanandy - 79200-000 Aquidauana/MS (67)
Auto Posto

Posto Mercúrio

Marechal Mallet, 957 - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 2770
Ver Mais
2
Entre em nosso grupo