X
Sessão ordinária

Deputados analisam cinco projetos nesta quarta-feira em MS

A sessão começa às 9 horas

A votação dos projetos acontece noPlenário Deputado Júlio Maia / Divulgação

Os deputados estaduais da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS), apreciam cinco matérias durante a Ordem do Dia, nesta quarta-feira (22).

A votação dos projetos acontece noPlenário Deputado Júlio Maia e pode ser acompanhada ao vivo nos canais oficiais de comunicação da Casa de Leis - canal 9 da Claro Net TV, TV ALEMS, Youtube, Facebook, Rádio ALEMS e aplicativo Assembleia MS - (Android/iOS). A sessão plenária mista tem início a partir das 9h.

Discussão única

Em discussão única, está pautado o Projeto de Lei 112/2022, de autoria do deputado Evander Vendramini (PP), que declara de Utilidade Pública Estadual a Associação de Assistência Social e Cultural Ebenézer - ASSEBENÉZER, com sede e foro no município de São Gabriel do Oeste. A matéria recebeu parecer favorável da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR).

2ª Discussão

Em segunda discussão, deve ser analisado o Projeto de Lei Complementar 4/2022, de autoria do Ministério Público Estadual, que altera a Lei Complementar Estadual 72, de 18 de janeiro de 1994. O objetivo da mudança na norma estadual é ajustar a Lei Orgânica do Ministério Público, tornando-a equivalente aos direitos concedidos na norma federal.

1ª Discussão

Três projetos estão previstos para análise em primeira discussão. De autoria do Poder Executivo, está na pauta da ALEMS o Projeto de Lei Complementar 5/2022, que acrescenta e altera a redação de dispositivos da Lei Complementar 127, de 15 de maio de 2008, nos termos que especifica. Entre os objetivos da matéria estão a inserção de nomenclatura e quantitativos de funções da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul (PMMS) e do Corpo de Bombeiros Militar de MS (CBMMS).

Também em 1ª discussão deve ser apreciado o Projeto de Lei 40/2021, de autoria do deputado Marçal Filho (PP), que dispõe sobre os direitos no atendimento às mulheres que sofram perda gestacional e neonatal, nas unidades de saúde do Estado de Mato Grosso do Sul. A matéria recebeu parecer favorável da CCJR à emenda substitutiva integral.

Por fim, ainda em primeira discussão, está pautado o Projeto de Lei 108/2022, de autoria do deputado Evander Vendramini, que altera a redação da ementa e de dispositivos da Lei Estadual 4.538, de 03 de junho de 2014. A matéria, que tem o objetivo de incluir na proibição da utilização de animais para desenvolvimento, experimento e teste de produtos cosméticos, de higiene pessoal, e perfumes, os produtos de limpeza e seus componentes, recebeu parecer favorável da CCJR.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Serviços

Agendamento online para passaportes está indisponível temporariamente

Polícia Federal detecta tentativa de invasão do ambiente de rede

Educação

Inep apresenta novos indicadores de financiamento

Valor Aluno Ano Resultado é um complemento da União às redes estaduais e municipais em vigor desde 2023

Voltar ao topo

Logo O Pantaneiro Rodapé

Rua XV de Agosto, 339 - Bairro Alto - Aquidauana/MS

©2024 O Pantaneiro. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

2
Entre em nosso grupo