24 de janeiro de 2021
Anuncie Aqui
-->
Política

MS: Justiça tranca ação penal contra Zeca do PT

26 OUT 2007 - 17h13min
terra

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul concedeu um habeas-corpus ao ex-governador de Mato Grosso do Sul, José Orcírio Miranda dos Santos, o Zeca do PT, trancando a ação penal movida contra ele pelo Ministério Público Estadual (MPE). Zeca do PT foi denunciado por crimes de peculato e uso de documento falso. Ele é acusado de comandar um esquema de desvio de R$ 30 milhões em verbas de publicidade durante seus dois mandatos.


Outras oito pessoas também foram denunciadas. A prática de peculato prevê pena de dois a 12 anos de detenção. A liminar (decisão provisória) foi concedida pelo desembargador João Batista da Costa Marques. Zeca do PT havia negado as denúncias e dito que iria processar o promotor Marcos Sottoriva, um dos integrantes da força-tarefa que investiga os gastos em publicidade de seu governo.


Costa Marques acatou o argumento da defesa de Zeca que questionou a constitucionalidade da ação investigativa do MPE. Na decisão, o desembargador afirma que os promotores do caso deveriam ter pedido investigação à polícia e não terem investigado eles próprios os indícios da existência de um esquema de desvio de verbas públicas.


A decisão de Costa Marques é polêmica porque o Supremo Tribunal Federal (STF) ainda não julgou a constitucionalidade do papel de investigação do Ministério Público. Na liminar, o desembargador também considerou o fato de Zeca do PT não ter sido ouvido pelo MPE. "Estranhamente, ao que parece, não se procurou, em momento algum, colher esclarecimentos junto ao paciente (Zeca)".


As investigações começaram após a ex-servidora Ivanete Leite Martins denunciar o esquema que envolveria o pagamento por serviços nunca executados por gráficas e agências publicitárias. Na ação trancada pela liminar, o MPE descreveu o desvio de R$ 218 mil em pagamentos feitos em junho de 2005 e outubro de 2006.


Além dessa ação penal, Zeca também foi denunciado por peculato e uso de documento falso em uma segunda ação penal envolvendo o suposto desvio de R$ 144 mil. O Ministério Público entrou com outros dois processos cíveis por improbidade administrativa.


O advogado Newley Amarilha afirmou que deverá entrar com um novo pedido de liminar para trancar a segunda ação penal. "Essa decisão restaura o estado democrático de direito e a garantia de que qualquer pessoa deve ser investigada pela autoridade competente", disse o advogado Newley Amarilha.

 

Veja também

Mais Lidas

1
Policial

Motociclista morre ao ser atingido por caminhão

2
Policial

Professor acusado de estupro irá depor pela 1° vez na segunda

3
Aquidauana

Morre em Aquidauana o bombeiro aposentado, conhecido como Pastor Guto

4
Aquidauana

Salão Paroquial está preparado para abrigar famílias ribeirinhas

Vídeos

Após chuvas, árvore cai em cima do telhado de residência em Corumbá

Com período chuvoso intenso, rio Aquidauana sobe e chega a 5 metros

Após acidente de trânsito envolvendo carro e moto, vítima é levada para pronto socorro

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min22 max31

Aquidauana

Sol com muitas nuvens. Pancadas de chuva à tarde e à noite.
min22 max31

Anastácio

Sol com muitas nuvens. Pancadas de chuva à tarde e à noite.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
7,84m
Miranda
4,05m
Paraguai
0,94cm

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Preciso...

Raquel Anderson

Dialeto caipira, uma maravilha!

Mariana Thomé

Corrupção: o mal que deve ser inibido e que impede o ...

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Médicos

Rute C. Noguchi - Dermatologista

Rua Marechal Mallet, 567 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-3114
Segurança Predial

Proteção Geral

Rua Pandiá Calógeras - em frente a Enersul, 514 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-1074
Bares/Panificadoras/Lanchonetes

Doce Sabor Lanchonete

Rua 7 de Setembro, Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67)
Ver Mais
Fale com a redação