X
Política

PF deflagra operação que apura suposto atentado contra deputado federal Loester Trutis

Suposto atentado ocorreu no início do ano, em rodovia de MS

50 agentes cumprem 10 mandados de busca e apreensão

Deflagrada pela Polícia Federal nesta quinta-feira (12), a Operação Tracker, que investiga o suposto atentado contra a vida do deputado federal Loester Trutis (PSL) e de um assessor, em fevereiro de 2020, em rodovia de MS.

São cumpridos 10 mandados de busca e apreensão, expedidos pelo STF (Supremo Tribunal Federal), sendo nome em Mato Grosso do Sul e um em Brasília (DF), por 50 agentes da corporação.

O nome da operação faz alusão ao intenso trabalho investigativo realizado pela Polícia Federal em busca de provas para a completa elucidação do caso e identificação dos autores. A investigação corre em segredo de justiça.

Em razão da situação de pandemia da COVID-19, foi planejada uma logística especial de prevenção ao contágio, com distribuição de EPIs a todos os envolvidos na missão, a fim de preservar a saúde dos policiais, testemunhas, investigados e seus familiares.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Cidades

Governo de MS lança programa de estágio

Gestores piblicos receberão visitas em junho de estudantes

Economia

Nova fábrica de etanol de milho é inaugurada em Maracaju

Empreendimento tem investimento de R$ 1,08 bilhão

Voltar ao topo

Logo O Pantaneiro Rodapé

Rua XV de Agosto, 339 - Bairro Alto - Aquidauana/MS

©2024 O Pantaneiro. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

2
Entre em nosso grupo