X
Senado

Senado vota projeto para uso de saldo dos planos de operadoras de telefonia

O projeto é de autoria do senador Telmário Mota

Leopoldo Silva/Agência Senado

Está na pauta da Comissão de Ciência e Tecnologia (CCT), em reunião agendada para quarta-feira (10), às 9h30, o projeto de lei que dá aos usuários de serviços de telecomunicações o direito de acumular o saldo não utilizado da franquia associada ao plano de serviço contratado.

De autoria do senador Telmário Mota (Pros-RR), o PLS 431/2018 insere essa novidade na Lei 9.472, de 1997. O parlamentar justifica que o consumidor paga por certa quantidade de minutos de ligações telefônicas, de tráfego na internet e de mensagens de texto, mas caso não utilize integralmente as quantidades contratadas dentro do mês de faturamento, perde o direito de utilizar os eventuais saldos no futuro.

O projeto tinha sido aprovado em 2019 pela Comissão de Fiscalização e Controle (CTFC) na forma do relatório do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP). Na ocasião, ele destacou que um dos objetivos da Política Nacional de Relações de Consumo (instituída pelo Código de Defesa do Consumidor) é a proteção dos interesses econômicos dos consumidores, assim como a proteção contra práticas e cláusulas abusivas ou impostas no fornecimento de produtos e serviços.

Na CCT, o projeto tem relatório favorável do senador Acir Gurgacz (PDT-RO), que classificou como abusivas as cláusulas dos contratos de telecomunicações que dão tratamento desigual aos usuários e às empresas.

“Conforme destacado pelo autor do projeto, quando o usuário extrapola o limite mensal contratado ele é obrigado a adquirir pacotes adicionais. Por outro lado, quando o consumidor não utiliza integralmente as quantidades contratadas, ele perde o direito de utilizar os saldos no futuro, o que não é justo”, acrescenta Acir Gurgacz.

A decisão da CCT é terminativa. Se o projeto for aprovado na Comissão e não houver recurso para votação em Plenário, o texto segue para análise da Câmara dos Deputados.

Longa distância

A CCT também poderá votar, em decisão terminativa, proposta do senador Jean Paul Prates (PT-RN) que extingue o código de seleção de prestadoras nas chamadas de longa distância. O projeto é relatado na Comissão pelo senador Paulo Rocha (PT-PA).

O PL 1.817/2021 altera a Lei Geral de Telecomunicações para extinguir o código de seleção que hoje permite ao usuário escolher entre as operadoras que realizam chamadas de longa distância. Esse código é digitado antes do número do telefone para o qual será feita a chamada. Segundo o texto da proposta, caberá à empresa contratada pelo usuário (sua operadora de telefonia), que dá origem à chamada, escolher a companhia que fará a ligação de longa distância.

O código de seleção de prestadora foi introduzido em julho de 1999, cerca de um ano após a privatização do antigo Sistema Telebrás, para estimular a competição nas ligações de longa distância da telefonia fixa. No entanto, segundo Jean Paul Prates, o código representa hoje apenas um encargo regulatório que aumenta os custos do serviço.

Em seu relatório, Paulo Rocha afirma que o projeto “não ignora as atribuições da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), uma vez que remete os pormenores da operacionalização e implementação das chamadas de longa distância para a regulamentação setorial a cargo da Agência”. Ele diz que a medida irá ajustar o marco legal das telecomunicações ao atual contexto tecnológico do setor.

Radiodifusão

A CCT também votará cinco projetos de decreto legislativo sobre outorga de autorização de serviços de radiodifusão à Associação Virgolandense Comunitária Cultural (PDL 386/2019), à Associação Cultural Comunitária Estação de Franco da Rocha (PDL 303/2021), à Associação Comunitária Iapuense de Radiodifusão (PDL 479/2021), à Associação de Desenvolvimento Cultural e Rádio Comunitária de Juazeiro do Piauí (PDS 53/2016) e à Associação Mercesana de Integração e Cultura (PDL 356/2021).

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

2024

Iniciativa de MS ganha reconhecimento pelo Observatório Nacional de Segurança Viária

Programa da TVE foi destaque nacional do Maio Amarelo

Inmet

Máxima prevista para Aquidauana nesta sexta-feira é de 30°C

Não há previsão de chuvas

Voltar ao topo

Logo O Pantaneiro Rodapé

Rua XV de Agosto, 339 - Bairro Alto - Aquidauana/MS

©2024 O Pantaneiro. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

2
Entre em nosso grupo