20 de outubro de 2020
Anuncie Aqui
-->
Tecnologia

Lulu e Facebook entram na mira do Ministério Público

MP abre inquérito para apurar se aplicativo viola direitos dos usuários do sexo masculino. Empresas têm cinco dias para prestar esclarecimentos

3 DEZ 2013 - 15h10min
Veja
O Ministério Público do Distrito Federal instaurou inquérito civil público contra o Facebook e o aplicativo Lulu. Segundo Leonardo Bessa, promotor de defesa do consumidor, o objetivo é apurar se os serviços violam direitos dos usuários do sexo masculino. O app, que ganhou popularidade no Brasil nos últimos dez dias, permite às mulheres avaliar os homens de sua rede de amigos no Facebook com hashtags e notas. As avaliações não podem ser compartilhadas nas redes sociais.
 
As duas companhias, que serão notificadas nesta terça-feira, têm cinco dias para prestar esclarecimentos ao Ministério Público. Após analisar a defesa, explica o promotor, o MP pode convocar uma audiência e tentar firmar um acordo. Em último caso, o MP pode denunciá-las à Justiça. 
  
De acordo com o promotor, o aplicativo está de acordo com os termos do Facebook, que permite a apps externos utilizar determinados dados de usuários ? condição aceita por todos os cadastrados na rede social. Bessa destaca, no entanto, que o consentimento genérico não é válido quando compromete a privacidade das pessoas. "Os usuários do sexo masculino não autorizaram o uso de suas informações no aplicativo", diz. 
 
O promotor afirma que aceitar os termos de uso do Facebook não significa que o usuário autoriza ofensas à sua honra. Entre as hashtags "negativas" mais usadas no aplicativo estão #usaraider e #nãosabeapertarumparafuso. Bessa diz que, apesar de inocentes, essas avaliações, que dizem respeito à personalidade, podem incomodar os usuários. Além de tudo, as avaliações são anônimas, e a lei brasileira veda o anonimato, alega Bessa. 
 
O inquérito pode abranger também o Tubby, um aplicativo onde homens podem avaliar mulheres da sua rede de amigos no Facebook. O programa brasileiro, com lançamento previsto para a próxima quarta-feira, também compromete a privacidade dos usuários, segundo o promotor. "O MP atua na defesa de interesses coletivos e pode instaurar um inquérito mesmo sem denúncias. O objetivo é apurar os fatos e 'puxar a orelha' dessas companhias", diz Bessa.
 

Veja também

Mais Lidas

1
Charges

Triste

2
Anastácio

Foragido é preso pela PM dentro de casa abandonada em Anastácio

3
Aquidauana

Idoso é preso por dirigir embriagado no centro de Aquidauana

4
Policial

Após ter R$ 5 mil furtados, mulher volta a ser alvos de bandidos em menos de 1 mês

Vídeos

Incêndio de grandes proporções consumiu atacadista, em Campo Grande

Em mais um acidente na MS-450, bombeiros resgatam vítima das ferragens

Onça-parda é flagrada 'passeando' por bairro e assusta moradores

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min23 max34

Aquidauana

Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.
min23 max34

Anastácio

Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
1,83m
Miranda
1,38m
Paraguai
(-) 30

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Ainda...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

"O LÍDER"

Mariana Thomé

Home oyster: você sabe o que é?

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Pousadas

Pousada dos Monteiros

Nhecolândia acesso pela Estrada do Taboco, - 79200-000 Aquidauana/MS (55) (67) 3324-8237/ www.pousadadosmonteiros.com.br
Bares/Panificadoras/Lanchonetes

Cacimba Sorveteria

R. Manoel Antônio Paes de Barros, 616 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-6272
Pousadas

Pousada Mangabal - Nhecolândia

, - Aquidauana/MS (55) (67) 3356-1413 www.pousadamangabal.com.br
Ver Mais
Fale com a redação