X
Tecnologia

Nokia lança sua loja virtual de música no Brasil

João Gordo já baixou tanta música pelo celular que enjoou. "Foram mais de 8.000", diz. O músico e apresentador recebeu um aparelho da Nokia para experimentar a Music Store, que chega neste mês ao Brasil.


"Baixei o disco novo do Slayer, que é maravilhoso. O do Alice in Chains também. É fácil de mexer [na loja], encontrei muita coisa", diz o músico. "Faço download do que é gratuito. Pesquiso, ouço e vou atrás do vinil. Eu sou de uma outra geração e gosto da coisa física."


Já o cantor Supla vê na loja uma possibilidade de negócios. "É uma forma de os músicos divulgarem seus trabalhos, de serem pagos. A nova geração acha que não tem que pagar por música, mas o músico também tem que ganhar", diz o músico, que espera que sua banda, a Brothers of Brazil, ganhe espaço.


A Music Store (music.nokia.com.br), presente em 25 países, chega ao Brasil com um acervo de 5,3 milhões de músicas, divididas em 18 estilos musicais -aproximadamente 30% é composto de nomes nacionais. As músicas são disponibilizadas a partir de acordos com grandes gravadoras como Sony e EMI e, também, com selos independentes, como Matador Records. No Brasil, diz a Nokia, foram feitas parcerias com cerca de 200 gravadoras e selos, como Biscoito Fino, Som Livre, Trama e Tratore.


O formato das músicas é o WMA, em qualidade de 192 Kbps. Qualquer faixa sai por R$ 2,50 --alguns discos baixados inteiros saem por R$ 25.


Acessar a loja é simples --você procura o menu Música no seu celular, clica em Loja e vai para a página inicial do serviço. Lá, você encontra opções de busca por artista, gênero e paradas [de sucesso], entre outros. Na parte de especiais, você tem acesso a playlists temáticas, como uma especial sobre o Dia dos Namorados.


Em seguida, você se cadastra e começa a navegar. Quando encontra o que procura, consegue ouvir 30 segundos antes da compra, via cartão de crédito.


As faixas baixadas podem ser acessadas em computadores e celulares. Aparelhos novos como o Nokia 5800, o Nokia N97 e Nokia N95 8 Gbytes são vendidos com o serviço Comes With Music, uma licença de um ano para acesso gratuito à loja.


O objetivo da Nokia é pretensioso: "Queremos ser o maior vendedor de música digital do mundo [até 2012]", afirma Adrian Harley, gerente de música da Nokia Brasil. "Quando falamos em maior, parece assustador, mas temos 38% de participação no mercado, há 1,1 bilhão de pessoas com um aparelho Nokia nas mãos."


Harley afirma que a Nokia também quer criar um mercado de música digital, gerando receitas para os criadores. "Criar novas receitas para artistas, gravadoras, dar uma chacoalhada no mercado de música, que precisa disso. Especialmente no Brasil, em que o mercado ainda engatinha.


E quem é o público alvo dessa empreitada? "É totalmente democrático. A gente quer atender a população que gosta de musica", diz Harley. "É desafiador vender música, especialmente no Brasil, onde durante muitos anos a pirataria foi intensa."

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Educação

MEC divulga resultado da segunda chamada do Prouni

Lista de pré-selecionados atrasou quatro dias

Economia

Mega-Sena pode pagar R$ 185 milhões neste sábado

Apostas podem ser feitas até as 19 horas, no horário de Brasília

Voltar ao topo

Logo O Pantaneiro Rodapé

Rua XV de Agosto, 339 - Bairro Alto - Aquidauana/MS

©2024 O Pantaneiro. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

2
Entre em nosso grupo