X
Turismo

Ameaçado de extinção, cascudo é encontrado em caverna de Bonito

Peixe tem apenas 10 cm de comprimento

Com apenas 10 centímetros de comprimento, o Ancistrus formoso, mais conhecido como cascudo-cego das cavernas, foi avistado por pesquisadores durante expedição entre o Bioparque Pantanal e instituições parceiras. O animal, criticamente ameaçado de extinção segundo o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), foi observado durante mergulho na nascente do rio Formoso, no município de Bonito, no Mato Grosso do Sul.

Participaram da expedição Bioparque Pantanal, Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), Universidade Federal do Pará (UFPA) e Universidade Federal de São Carlos (UFSCar).

Apesar de não ter sido coletado, seu avistamento é um sinal positivo, por se tratar de um animal endêmico da região, ou seja, que só existe naquele lugar, especificamente em um sistema de cavernas conhecido como Formoso e Formosinho. Outro fator também celebrado com a presença do animal é a baixa densidade populacional da espécie.

A presença de espécies ameaçadas pode servir como indicador da saúde geral do ecossistema. Ambientes que suportam espécies raras ou ameaçadas tendem a ser menos impactados por atividades humanas, indicando alta qualidade ambiental.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Economia

Geração de energia no Brasil tem expansão recorde de 18,7%

Números do 1º semestre são da Aneel

Polícia

PRF apreende 879 kg de maconha e recupera veículo em Campo Grande

Motorista fugiu e abandonou veículo

Voltar ao topo

Logo O Pantaneiro Rodapé

Rua XV de Agosto, 339 - Bairro Alto - Aquidauana/MS

©2024 O Pantaneiro. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

2
Entre em nosso grupo