X

A relação entre turismo e transportes foi tema do primeiro dia de debates da I Semana Temática em Transportes da Universidade de Brasília (UnB). O evento teve início nesta quarta-feira (25) e, até a próxima sexta-feira (27), reunirá especialistas de ambos os setores. O objetivo é discutir necessidades e o desenvolvimento dos transportes no Brasil.


O diretor de Estruturação, Articulação e Ordenamento Turístico do Ministério do Turismo (MTur), Ricardo Moesch, foi um dos palestrantes com o tema "Plano Nacional de Turismo e Infraestrutura de Transporte". Na oportunidade, Moesch falou sobre a atuação do MTur, da Embratur e a Lei Geral do Turismo (nº 11.771) - que foi sancionada em 17 de setembro pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva.


Ele ressaltou a importância das transportadoras turísticas estarem registradas no Cadastur, o Sistema de Cadastro dos Empreendimentos, Equipamentos e Profissionais da Área de Turismo. Segundo o diretor, todo operador e prestador de serviços turísticos no Brasil deve, obrigatoriamente, ter registro no sistema e renová-lo a cada dois anos. "O cadastro garante mais segurança e tranqüilidade para o turista", afirmou Moesch.


O CADASTUR


Atualmente, o Cadastur conta com cerca de 40 mil registros. Desse total, 7.612 são transportadoras turísticas - aproximadamente 19%. O sistema reúne cadastros de pessoas físicas e jurídicas que atuam na cadeia produtiva do turismo. Para seis atividades o registro é obrigatório. Para outras nove, não.


Obrigatório:
 Meios de Hospedagem (Hotel, Pousada, Resort, Albergue, Apart-Hotel, Hotel Fazenda, Hotel Fazenda/Lazer, CondoHotel, Hotel de Selva - desde que atenda ao regulamento geral dos Meios de Hospedagem);
 Agências de Turismo;
 Transportadoras Turísticas;
 Organizadoras de Eventos (Congressos, feiras ou congêneres e prestadores de serviços especializados);
 Parques Temáticos;
 Guias de Turismo;
 Acampamentos Turísticos


Voluntário:
 Bacharéis em Turismo;
 Bares, Restaurantes, Cafeterias e Similares;
 Centros de Convenções e Acampamentos, Campings e Similares;
 Parques Aquáticos;
 Estrutura de apoio ao Turismo Náutico (marinas, garagens náuticas e portos turísticos);
 Casa de Espetáculos;
 Equipamentos de Animação turística (teatros, cinema, casas de dança e conchas acústicas);
 Prestadoras de Infraestrutura para eventos;
 Locadoras de veículos para turistas


Já o coordenador de Pós-Graduação em Transportes da UnB, professor Pastor Gonzáles, destacou a importância do turismo como gerador de desenvolvimento econômico e regional. Para ele, transportes e turismo devem ser temáticas constantes de debates.


"Considerando a importância da dimensão territorial do Brasil, é importante fortalecer o entendimento que turismo sem transporte não existe. Eles têm que ser pensados, discutidos e têm que ser motivo, principalmente, de estudos e pesquisas acadêmicas", afirmou.


A I Semana Temática em Transportes da UnB acontece até a próxima sexta-feira, no auditório da Faculdade de Tecnologia. A entrada é gratuita e mais informações podem ser obtidas pelo telefone (61) 3107-0975.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Polícia

Operação desarticula rede de venda ilegal de produtos impróprios em Itaporã

Na ação, denominada Operação Honey & Meat, três comerciantes foram presos

Saúde

Ministério da Saúde inicia plano para vacinar 130 mil indígenas

Ao longo do Mês de Vacinação dos Povos Indígenas, serão ofertadas 240 mil doses. Ação começa neste sábado (13), em Oiapoque (AP), com a presença da ministra Nísia Trindade

Voltar ao topo

Logo O Pantaneiro Rodapé

Rua XV de Agosto, 339 - Bairro Alto - Aquidauana/MS

©2024 O Pantaneiro. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

2
Entre em nosso grupo