24 de setembro de 2020
Anuncie Aqui
-->
Socorro

“Vidas indígenas também importam” diz liderança de Dois Irmãos do Buriti

Os líderes pedem maior empenho das autoridades em ajudar os povos indígenas

13 AGO 2020 - 16h34min
Kamila Alcântara

Em vídeo, o líder indígena Ageu Ribeiro da aldeia Água Azul, localizada em Dois Irmãos do Buriti, cobra das autoridades alguma ação para proteção das comunidades do município. Nos últimos dias, quatro anciões da aldeia morreram vítimas da Covid-19.

Segundo ele, órgãos competentes recebem repasse, mas não estão investindo nas comunidades e o sofrimento está instalado, não só em Dois Irmãos do Buriti, mas em todas as comunidades indígenas de Mato Grosso do Sul.

“Não é possível ver tamanha barbaridade, essa tragédia em todas as comunidades do Estado e não ter nenhuma ação eficiente para ajudar”, destaca Ageu. No último domingo ele perdeu o pai, o senhor Benedito Reginaldo, sendo que dias antes se despediu de mais três idosos respeitados dentro da comunidade.

No vídeo, Ageu ainda diz que os povos indígenas estão sendo dizimados. “É um genocídio dentro das comunidades! Não dá para ficar de braços cruzados. Eu peço, deem valor ao povo indígena. Vidas indígenas também importam, pois somos serem humanos como qualquer pessoa da sociedade”, clama.

Em Dois Irmãos do Buriti há oito aldeias. Quando as primeiras notícias da chegada do coronavírus no Estado começaram a circular, as comunidades organizaram barreiras sanitárias próprias, com apoio da administração municipal.



Já são seis meses de luta contra o vírus e os indígenas conseguiram se manterem afastados por mais de três meses, mas com pouco auxilio e faltando coisas básicas, acabaram sendo atingidos. A perda dos anciões está sendo muito dolorida para eles, explica o vereador terena Eder Alcântara (MDB).

“Infelizmente a pandemia chegou as aldeias e alcançou nossos anciões. Eles são os sábios, as pessoas que consultamos para procurar nosso direitos, nossa organização. Isso abalou toda a comunidade”, destaca Eder.

Com apoio do polo de Sidrolândia, recentemente a SES (Secretaria de Estado de Saúde) enviou mais dez leitos para atender as comunidades indígenas. “Acredito que, mesmo com todo o descaso do Governo Federal, conseguirmos ser atendidos pela Prefeitura, que ouviu o povo indígena”, pontua o terena.

Na próxima semana, uma equipe de médicos e enfermeiros do Exército Brasileiro chega a Dois Irmãos do Buriti para auxiliar nesses atendimentos. “É preciso coisas assim acontecer. Pessoas pagarem com vida para que o recurso venha, tarde mas veio”, conclui Eder. 

 

Veja também

Mais Lidas

1
Policial

Morre aquidauanense que cortou pescoço em cerca de arame

2
Aquidauana

Nossa gente: é com a pesca que "Neguinha de Camisão" sustenta sua família

3
Anastácio

Confira quais são os candidatos a prefeito e vice em Anastácio

4
Geral

Seguem internadas vítimas de acidente entre moto e caminhão, em Aquidauana

Vídeos

Incêndio de grandes proporções consumiu atacadista, em Campo Grande

Em mais um acidente na MS-450, bombeiros resgatam vítima das ferragens

Onça-parda é flagrada 'passeando' por bairro e assusta moradores

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min22 max38

Aquidauana

Sol com algumas nuvens. Não chove.
min22 max38

Anastácio

Sol com algumas nuvens. Não chove.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
1,93m
Miranda
1,68m
Paraguai
1,01m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

A...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

"A SENSAÇÃO..."

Flavia Rohdt

Aldravia 25 #PantanalemChamas

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Telefones Úteis

Polícia Rodoviária Federal - Centro de Treinamento do Centro-Oeste

Rua 7 de setembro, 940 - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-7485/3241-
Hospitais/Postos de Saúde

Posto de Saúde da Estevão - Centro de Saúde João André Madsen

R. Estevão Alves Correa, 2834 - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-2051
Telefones Úteis

Polícia Militar Ambiental - 4º PelPMA

Rua Candido Mariano, 420 - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-3675/3241-
Ver Mais
Fale com a redação