19 de abril de 2021
Anuncie Aqui
-->
Campo Grande

Agente paga passagens de avião para casal surdo e filhos ao ver que caíram em golpe

'Pedi licença e fui chorar'. Agente de MS conta que manteve comunicação com uma das filhas do casal, de 9 anos. Ao pegar bilhete, ele percebeu que eram falsos e então resolveu ajudar, custeando parte das passagens no cartão de crédito

24 FEV 2021 - 10h30min
Por Graziela Rezende do G1MS

Por alguns segundos, o agente de aeroporto Raphael Cavaleiro, de 35 anos, pôde se esquecer da pandemia de Covid-19 para curtir um abraço coletivo recebido de um casal de surdos com os filhos pequenos, em Campo Grande, no início de fevereiro.

IvrNet_Campanha de Páscoa 11

O gesto foi a forma encontrada pela família – que havia caído em um golpe ao comprar passagens áreas falsas – para agradecê-lo depois que ele se ofereceu para pagar, de última hora, parte do valor dos bilhetes verdadeiros.

De acordo com o agente, uma das filhas do casal, uma garota de 9 anos, foi quem conversou com ele.

Segundo Raphael, o expediente já havia terminado, mas ele continuou o serviço para atender clientes de um voo cancelado. "Eu já tinha finalizado os trabalhos administrativos e um casal me abordou. Eles tinham mais duas crianças de colo e a menina de 9 anos, porta-voz deles. Muito eloquente, ela conversou comigo, disse que estava indo viajar e me entregou o papel dos bilhetes. De cara, quando abri, já desconfiei que era um golpe", relembrou.

Ao confirmar que realmente não havia reserva no sistema e também o relato da menina, a qual contou que o pai comprou a passagem com um contato da rede social Facebook e a pessoa o bloqueou logo após mandar a foto do comprovante, ele explicou o ocorrido para a família.

"Eles são leigos, mas eu bati o olho no papel e vi que tinha algo errado ali. Logo que informei a menina, ela repassou a informação e os pais ficaram bem agitados e logo a menina começou a chorar. Ela falou que eles não tinham como custear a passagem, principalmente porque o pai está desempregado. Pedi licença, fui para a sala perto do meu armário e desabei a chorar. Pensei um pouco, me recompus e chamei o meu coordenador, dizendo que estava disposto a custear as passagens", contou.Agente recebeu ligações parabenizando pela atitude dele

Em seguida, chamou a família e informou que estava disposto a pagar integralmente as passagens. Foi aí que a menina disse que a família tinha um restante de dinheiro e ele complementou. "A menina ficou tão feliz. Ela disse: 'tio, você vai viajar com a gente?' E eu respondi: 'Não, meu coração. O tio trabalha aqui interno'. E ela complementou: 'Poxa, queria que fosse com a gente'", falou.

Diante a atitude carinhosa da menina, ele continuou acompanhando a família até a sala de embarque. "Foi neste momento que a menina me disse que era a primeira vez que estava viajando. Mostrei o avião chegando para ela, lembro que nem piscava direito. Quando chegou, nós seguimos os protocolos de assepsia por conta da Covid e depois iniciamos o embarque. Mas, antes, eles me deram um abraço repentino, o casal por cima e a menina pela cintura. Senti toda a gratidão deles", explicou.

Reconhecimento 
Três dias depois, Cavaleiro foi surpreendido com a ligação do presidente da companhia aérea. "Ele estava agradecendo o que eu havia feito e também falei ontem com o CEO das linhas aéreas. Tinha feito tudo de forma bem discreta, falando baixo com eles para não gerar constrangimento, comentei somente com um amigo meu que ajudou a pegar a bagagem. Não imaginava toda essa repercussão", afirmou.

No entanto, ainda conforme Cavaleiro, a gerência ficou sabendo do ocorrido. Mesmo assim, com 5 anos de experiência, o agente conta que soube de várias histórias, em que as pessoas estavam vulneráveis e ele ajudou, sendo que é algo que "preferia que ficasse nos bastidores", pois, a intenção é somente solucionar o problema.

"Já aconteceu com outras pessoas aqui, de comprarem em sites genéricos. Não é a primeira vez que eu ajudo. Teve um senhor que havia sido sequestrado, vítima do golpe do falso frete e tinha somente a passagem de avião da empresa dele. Levaram até a roupa. Ele tinha um sapato porque o policial havia dado a ele e me mostrou o boletim de ocorrência. Percebi na hora do raio-x e ele confessou que estava 48 horas sem comer. Me emocionei da mesma forma e almoçamos juntos antes dele pegar o voo. São coisas que a gente guarda, jamais esquece", finalizou.

 

Veja também

Mais Lidas

1
Policial

Homem é executado com 60 tiros de fuzil em Campo Grande

2
Educação

Administradora é a nova diretora do campus de Aquidauana da UFMS

3
Geral

Coronavírus: variante P1 já é predominante em Mato Grosso do Sul

4
Geral

A partir de segunda, idosos com mais de 60 anos podem se vacinar em Aquidauana

Vídeos

Vídeo: Casal furta televisões de loja no centro da capital, em plena luz do dia

Apoiadores de Bolsonaro saem às ruas pedindo não ao Lockdown e sim à Intervenção Militar

Estreia Curta Metragem A Paixão de Cristo

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min20 max32

Aquidauana

Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.
min20 max32

Anastácio

Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,52m
Miranda
2,20m
Paraguai
1,80m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

O...

Mariana Thomé

Quer ter colaboradores mais produtivos? Invista em gest...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

ATENÇÃO! ATENÇÃO!

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Escola de Formação Profissional

PREPARA - Cursos Profissionalizantes

Rua Estevão Alves Corrêa, 1056 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) - 3241-9300 www.preparacursos.com.br
Auto Posto

Asa Branca

Duque de Caxias, s/n Bairro Alto - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 4623
Hospitais/Postos de Saúde

Posto de Saúde Dr. Cândido Pinheiro Filho

R. Duque de Caxias, s/nº Bairro: Alto - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-3704 / 324
Ver Mais
2
Entre em nosso grupo