X
Ataque

Após levar mordida de Sucuri, guia de turismo passa bem e mantém trabalho no Pantanal

Ele foi atacado durante passeio no Rio Vermelho, região do Passo do Lontra, Pantanal de MS

Sucuri atacou guia em Miranda / Reprodução Arquivo Pessoal

O guia de turismo e pesca, Wesley Costa Oliveira, de 28 anos, que estava com turistas pescando no Rio Vermelho, em Miranda, quando foi atacado por uma sucuri amarela no último domingo (23), diz que passa bem e continua trabalhando com passeios pela região após o ocorrido.

O vídeo, em que Wesley aparece quando é mordido pela sucuri na região do Passo do Lontra, Pantanal de MS viralizou nas redes sociais, e o caso foi divulgado pelo Portal (clique aqui para ver).

Wesley contou ao site O Pantaneiro, que trabalha há anos na área e é comum ver sucuris maiores. Ele já se recuperou do ferimento, e disse que o fato de a cobra ser filhote foi crucial, pois a mordida foi bem leve e não precisou ir ao médico.

“Aqui no hotel a gente sempre se depara com sucuri, com onça., jacaré e todos esses animais. E aquela que me mordeu era pequena em vista das que já vimos aqui. Geralmente elas tem seis ou sete metros, e aquela ali tinha um metro e meio. A mordida foi dolorida, mas não tive risco de saúde. Agora, se fosse uma sucuri adulta, aí a história seria diferente.”

Wesley trabalhá há alguns anos na área e a experiência em lidar com os bichos da região conta muito no dia a dia.

O caso

Wesley estava pescando com um casal de turistas vindos da cidade de Maringá-PR, quando foi amarrar a corda do barco e a turista indicou a cobra enrolada entre galhos ás margens do Rio Vermelho.

Ele pensou que não ia ser atacado e iniciou o vídeo com o aparelho celular bem próximo ao animal, que não gostou nada da filmagem e o atacou."Fui amarrar a corda do barco, e minha cliente mostrou a sucuri. Quando levei a mão, ela tentou atacar pela primeira vez. Aí peguei o celular e comecei a gravar para tentar fazer um vídeo legal. Eu não pensei que ela ia atacar pela segunda vez, mas quando comecei a filmar e aproximei a mão nela[…], ela mordeu minha mão direita."

Wesley ainda conseguiu gravar umas cenas com a sucuri antes de ser mordido, e brincou que se tratava do “Veio do Rio” da novela Pantanal da TV Globo."Aí pessoal, o Véio do Rio está bem pertinho de mim aqui ó”, disse ele que continuou elogiando a cobra: "linda, perfeita".
Wesley afirma que a sucuri já estava em posição de ataque desde que a viu ás margens do rio.

Proteção

Após o ocorrido, o rapaz gravou um outro vídeo mostrando a mão ensanguentada. Ele afirma que o ferimento foi leve, e por isso não procurou atendimento médico. Wesley diz que pegou o animal e o tirou daquele local, pois é frequentado por muitos pescadores e havia risco para a sucuri.

“Depois eu a tirei e a coloquei em outro lugar próximo a mata, e mais protegido. A gente continuou a pescaria, mas meus clientes ficaram bem assustados", disse ele que enfatizou o objetivo de garantir proteção a sucuri.


Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Segurança

Projeto 'Tembiaporã resgata cultura e profissionaliza indígenas encarcerados

Projeto é pioneiro no Brasil e que visa atender internos indígenas

Polícia

Polícia Civil cumpre mandados de prisão por tráfico, roubo e porte de arma em Corumbá

Dois homens foram presos

Voltar ao topo

Logo O Pantaneiro Rodapé

Rua XV de Agosto, 339 - Bairro Alto - Aquidauana/MS

©2024 O Pantaneiro. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

2
Entre em nosso grupo