X
Alerta

Propriedades e ruas às margens do Rio Aquidauana começam a ficar alagadas

Reinaldo Lourenço

Com as propriedades mais próximas do Rio Aquidauana já sendo inundadas e o alerta de mais chuvas na região, os ribeirinhos de Aquidauana já estão preparados para possível saída temporária de suas casas. Na madrugada desta sexta-feira (22), o rio chegou a 7,84 metros.

A equipe do O Pantaneiro visitou algumas propriedades às margens do Rio Aquidauana, onde a água está se aproximando cada vez mais das residências. “Em uma fazendinha mais para baixo, as mulheres que moram já saíram da casa”, testemunha Lindinalva Pedro, de 54 anos.

A água já tomou conta de quase toda propriedade - Foto: Reinaldo Lourenço


O maior perigo é durante a noite, quando o nível da água aumenta e ganha mais força. É no momento em que estariam descansando que eles mais se preocupam. “O pior é quando anoitece. Quando a água chegar, pegamos as coisas e levamos para as casas dos parentes para não perder tudo”, relata outro morador das margens do rio.

A maioria dos acessos estão assim, intransitáveis. - Foto: Reinaldo Lourenço.


Chuvas

Conforme apurado, durante a madrugada o total acumulado de chuva chegou a 58 milímetros. Duas famílias ribeirinhas que vivem nas proximidades da Ponte Velha, na Rua Deslocamento Acácia, foram atendidas e precisaram ser removidas do local.



O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu alerta com risco de chuvas intensas para esta sexta-feira em Aquidauana e região. Há risco potencial de chuva entre 30 e 60 mm/h ou 50 e 100 mm/dia, e ventos intensos de 60 a 100 km/h.



Também pode haver corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas. Em caso de rajadas de vento, não se abrigue debaixo de árvores, pois há risco de queda e descargas elétricas e não estacione veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda.

Se possível, desligue aparelhos elétricos e quadro geral de energia. Obtenha mais informações junto à Defesa Civil (telefone 199) e ao Corpo de Bombeiros (telefone 193).

*Texto com colaboração de Reinaldo Lourenço.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Economia

Brasil exporta 31 mil toneladas de biscoitos no 1º semestre de 2024

Ontem foi celebrado o Dia Nacional do Biscoito

Policial

PF incinera quatro toneladas de drogas em MS

Ação foi precedida de autorização judicial, acompanhada por agentes da vigilância sanitária e do Ministério Público Estadual

Voltar ao topo

Logo O Pantaneiro Rodapé

Rua XV de Agosto, 339 - Bairro Alto - Aquidauana/MS

©2024 O Pantaneiro. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

2
Entre em nosso grupo